Pesquisa da SBPC/ML em parceria com a Shift revela que apenas 5,4% dos exames não são acessados pelos pacientes

Dados levantados pela pesquisa da SBPC/ML em parceria com a Shift confronta número divulgado pelo mercado e demonstra a importância dos exames laboratoriais no diagnóstico e medicina preventiva.

A Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial, em parceria com a Shift Consultoria e Sistemas, divulga uma pesquisa que aponta que apenas 5,4% dos exames laboratoriais não são acessados pelos pacientes. 

Este dado se mostrou consideravelmente inferior à taxa de 50% muito divulgada por autoridades governamentais em detrimento à necessidade de solicitação de exames. Isso demonstra a importância dos exames laboratoriais, responsáveis por 70% dos diagnósticos e por menos de 3% dos custos de saúde.

Segundo o médico patologista clínico e diretor de acreditação e qualidade da SBPC/ML, Dr. Wilson Shcolnik, “essas referidas citações numéricas mais elevadas usadas pelo mercado não encontram sustentação em publicações científicas e não possuem descrição das metodologias utilizadas. A pesquisa levou em consideração o número de exames realizados. Por isso, a taxa de laudo de pacientes que não foram acessados provavelmente é ainda menor, considerando que uma única pessoa pode não ter acessado mais de um exame”.

Atualmente os resultados de exames são acessados por diferentes meios. Segundo Marcelo Lorencin, presidente e fundador da Shift “é preciso pensar no papel estratégico dos dados do laboratório na mudança de mindset na remuneração na saúde e na transformação dos modelos de negócios, onde cresce a pressão por custos e, ao mesmo tempo, de qualidade e novas tecnologias. Nesse sentido, a tecnologia tem um papel relevante e de grande valor na análise e compreensão dos negócios e da saúde”.

A pesquisa da SBPC/ML em parceria com a Shift teve como amostra 81 laboratórios distribuídos em diferentes regiões brasileiras, que foram responsáveis pela realização de 93.240.651 exames no período de 01 de maio de 2016 a 01 de maio de 2017.

Para a SBPC/ML, os exames laboratoriais produzem informações importantes para prevenção e triagem de doenças, avaliação de fatores de risco, escolha e monitoramento de tratamentos personalizados e avaliação de desfechos clínicos para fins de alta hospitalar. Além disso, são minimamente invasivos para os pacientes e evitam que sejam necessários procedimentos complementares mais complexos, agressivos e caros.

 

Newsletter



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *