• 19 de Março de 2020

 

O investimento na gestão de dados no laboratório deve ser uma prioridade no setor de análises clínicas. Afinal, a grande quantidade de informações que é gerada continuamente e que compõe as operações e toda a estrutura e o planejamento de uma organização é considerada um verdadeiro ativo e tem posição de destaque diante do mercado empresarial.

Nesse sentido, é essencial manter todos os dados em segurança com o intuito de viabilizar o pleno desenvolvimento das atividades, otimizar a rotina laboratorial, potencializar a tomada de decisões inteligentes, oferecer uma experiência positiva ao paciente e, assim, permitir que a empresa ganhe vantagem competitiva.

Quer entender melhor como enfrentar esse desafio e administrar grandes volumes de dados de maneira eficiente? Neste artigo, vamos explicar o que é a gestão de dados e a importância desse mecanismo em seu laboratório. Confira!

O que é a gestão de dados?

gestão de dados consiste no procedimento de administração dos processos laboratoriais durante todo o ciclo de vida de uma operação. Trata-se de um período no qual aquele dado é considerado relevante e de extrema importância para as atividades da empresa — estratégicas, táticas e operacionais. Essa gestão pode englobar tanto a análise de dados estruturados — quando o acervo está etiquetado e organizado — quanto dados não estruturados.

Em um laboratório de análises clínicas, esse procedimento envolve diversas etapas e é essencial para garantir a rastreabilidade de todos os processos — o cadastro inicial do paciente, passando pelos estágios de identificação, classificação, controle da qualidade, armazenamento, acessos e análises, até chegar ao resultado final e à governança desses dados e sua transformação em indicadores.

Qual é a importância da gestão de dados para os laboratórios?

Nos dias atuais, considerando a influência da transformação digital em nossas vidas, torna-se vital adotar um gerenciamento inteligente de todas as informações veiculadas dentro das instituições laboratoriais. À medida que essa tendência ganha espaço, também aumenta a quantidade de dados. Como esses dados são facilmente captados, é urgente a criação de mecanismos de proteção.

Somado a isso, as empresas que pecam ao gerenciar grandes volumes de dados acabam investindo sem necessidade em mecanismos de armazenamento desses dados. Para agravar ainda mais a situação, há uma tendência de acumular mais custos com recursos humanos e compliance, já que ocorre um aumento do desperdício de tempo para procurar informações, cumprir tarefas e gerir processos.

A gestão de dados também se impõe como uma base forte da transformação digital. Assim, ela vai além da questão tecnológica e passa a ter uma relação efetiva com a cultura organizacional e as operações.

Diante disso, a gestão de dados pode ser vista como a chave para que o sucesso dessa mudança se concretize. Tudo o que uma instituição faz com suas informações é capaz de definir sua habilidade para alcançar resultados significativos no campo da inovação, do crescimento e da produtividade.

Por tudo isso, o gerenciamento de dados não pode deixar de ser uma etapa muito importante na área da saúde. Ele influencia todo o procedimento de coleta, validação, armazenamento, e garante a segurança dos dados para que sejam processados e transformados em informações úteis.

É assim que as decisões importantes para o êxito de um empreendimento laboratorial podem ser viabilizadas, de fato. Afinal, definir operações referentes a um laboratório levando em consideração apenas dados não processados representa um risco elevado.

Por isso, somente a partir da análise de dados qualificados, organizados e devidamente armazenados — projetos administrativos, balanços financeiros, prospecção de clientes e de vendas, resultados de exames, entre outros — o gestor contará com uma visão mais ampla da empresa como um todo e terá condições mais claras para deliberar sobre determinados assuntos.

Por que investir na gestão de dados?

Agora que você já tem uma noção mais precisa sobre o que é a gestão de dados e qual é a importância de adotar esse mecanismo em um laboratório, vamos apresentar os motivos pelos quais deveria investir nesse tipo de gerenciamento em sua empresa. Entenda!

Proporcionar empoderamento e autonomia

Os donos de laboratório precisam ganhar autonomia por meio dos sistemas de informação, que devem incluir uma gestão completa e integrada de laboratórios, mantendo toda a segurança e a rastreabilidade de processos possíveis, desde a fase do pré até o pós-analítico. A boa gestão do fluxo de faturamento também é importante.

Além disso, o sistema deve ser desenvolvido tendo em vista a peculiaridade do segmento, contando com um workflow de atendimento inteligente e eficiente desde a entrada do paciente até a liberação dos resultados dos exames.

É necessário permitir que o laboratório aumente sua produtividade e potencialize sua gestão e qualidade, a fim de se ajustar à conquista de mais acreditações dentro do setor da medicina diagnóstica. Entre todas as suas atribuições, um bom sistema de informação deve:

  • gerenciar a performance de todos os setores laboratoriais;
  • ter mais agilidade no atendimentos aos pacientes;
  • orientar o fluxo de trabalho e aumentar a produtividade;
  • diminuir o tempo de entrega de resultados e fidelizar pacientes e médicos;
  • manter a rastreabilidade completa de todos os processos;
  • produzir escalabilidade do negócio em diferentes cenários por meio de uma única plataforma;
  • reduzir o consumo de papel e automatizar os processos manuais;
  • integrar sistemas e interfaces de equipamentos;
  • manter os dados em nuvem e uma plataforma totalmente digital, amigável e intuitiva;
  • propiciar a gestão por indicadores com informações que sustentem tomadas de decisão.

Todas essas atribuições de um bom sistema de gestão de dados, quando funcionam em plena sintonia, podem proporcionar uma genuína autonomia para os laboratórios. Isso pode convertê-los em instituições mais competentes, com poder suficiente para criar solidez em seus processos, garantindo a segurança e a idoneidade que as pessoas esperam de uma empresa da área de saúde.

Aumentar o volume de dados

O volume de dados que é produzido e coletado aumenta conforme a adição de novos recursos tecnológicos ao longo dos processos de negócio. Desse modo, quanto maior a presença de dados oriundos de várias fontes, maior será a urgência de adotar a gestão e integração.

Rastrear as informações

Os dados só são importantes para uma empresa quando são transformados em informações relevantes e úteis. Por isso, diante de tanta concorrência no mercado, saber como administrar esses dados pode fazer toda a diferença.

Desse modo, o uso de um software é um requisito de qualidade no segmento laboratorial. Ele permite salvar os dados e fazer o seu cruzamento, além de ajudar na identificação, na otimização e no monitoramento de padrões, riscos e oportunidades. Tudo isso está ligado à rastreabilidade e confiabilidade de informações.

Como implementar um gerenciamento de dados eficiente?

O processo de gestão de dados requer o uso de ferramentas e tecnologias adequadas com o intuito de otimizar e garantir a segurança das informações do empreendimento. Entenda, a seguir, algumas dicas que vão ajudar a aumentar a performance e a garantir a eficiência no gerenciamento de dados.

Faça backups de maneira periódica

O imenso volume de dados gerados e processados todos os dias pelos estabelecimentos de saúde requer um sistema de armazenamento seguro. Isso porque nenhum aparelho tecnológico está imune à ocorrência de falhas e panes — o que poderia causar a perda de todas as informações que estão ali arquivadas.

Nesse cenário, a realização de backups com frequência é uma medida de segurança. E o melhor de tudo é que a maioria dos sistemas permite a programação desses backups. Assim, eles podem ser realizados de forma automática, sem que o usuário tenha que executar a função.

Gerencie os dados na computação em nuvem

O cloud computing vem dominando a cena tecnológica nos últimos tempos. O seu sucesso se deve, principalmente, à praticidade, à segurança e ao dinamismo que esse recurso proporciona aos seus usuários.

Por meio da sua inclusão em ambientes online, os dados ficam armazenados e podem ser gerenciados diretamente naquele local. Assim, as informações ficam sincronizadas e podem ser acessadas de forma instantânea pelos funcionários com autorização de acesso.

Além de tudo, uma das grandes vantagens desse sistema em nuvem é que ele dispensa a utilização de aparelhos físicos e servidores locais.

Conte com um parceiro especializado

Nada melhor do que contar com o auxílio de um suporte técnico especializado e experiente que saiba, de fato, lidar com a segurança da informação para manter o gerenciamento de dados do laboratório de modo seguro e eficiente. Isso até porque contratar uma equipe interna de TI pode ser muito mais custoso e nem sempre é uma solução viável para os laboratórios, principalmente para aqueles de menor porte.

Como você pôde perceber, o processo de gestão de dados tem grande importância para o desenrolar das operações e atividades dentro de um laboratório. Por isso, não deixe de investir em ferramentas tecnológicas que ajudem a otimizar todo esse processo. Você certamente verá o seu negócio alcançar ótimos resultados!

A etapa de definição e gestão de dados é a mais demorada e custosa; e é nesse sentido que a Shift pode ajudar você, por meio da ferramenta Shift BI. O uso das soluções Shift faz com que os laboratórios possam eliminar atividades burocráticas no que se refere à montagem de indicadores. Dessa forma, o trabalho do gestor de laboratório deixa de ser operacional e se torna mais estratégico, gerando um ciclo de melhoria contínua para o negócio. Para saber mais sobre nossas ferramentas para Business Intelligence, não deixe de entrar em contato conosco.

Entendeu a importância de investir em mecanismos automatizados que efetuam a gestão de dados no laboratório? Quer saber mais sobre eles? Então, assine a nossa newsletter e receba os nossos conteúdos em primeira mão!


imagem

Artigos relacionados

7 vantagens da automação laboratorial para aumentar a competitividade dos laboratórios

Conheça 7 vantagens da automação laboratorial e como aumentar a competitividade e a eficiência operacional dos laboratórios

Como realizar a integração de informações em laboratórios?

Como realizar a integração de informações em laboratórios? 12 de janeiro de 2022   A integração de informações oferece grandes benefícios tanto para os laboratórios quanto para os pacientes, desde que feita da forma certa. Para isso, é preciso escolher ferramentas de qualidade, sempre se atentando às demandas e às particularidades do seu negócio. Há […]

Veja como um software ajuda a gerar resultados laboratoriais

Veja como um software ajuda a gerar resultados laboratoriais 21 de setembro de 2021   Na busca por melhores resultados, muitos laboratórios vêm investindo em tecnologias de ponta e sistemas inovadores que podem ser grandes aliados do negócio, desde que seja feita a escolha das ferramentas adequadas. Um software de gestão integrada para laboratórios é […]

imagem

Destaques

Business Intelligence apoia melhorias em indicadores de desempenho no Lacmar

Controle de Qualidade Interno no contexto da RDC 786/23

Índice de adesão à RDC 786/23 cresce após consultoria da Shift

imagem

Assine a nossa newsletter?

Quer ficar por dentro das novidades sobre soluções em tecnologia para saúde? Cadastre-se na News da Shift e atualize-se periodicamente na caixa de entrada do seu e-mail.

Acompanhe a Shift nas redes sociais!